SAMUEL DE LEONARDO (TUTE)
LER É UM DEVER.. ESCREVER, UM PRAZER.
Capa Meu Diário Textos Áudios Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
FUGAZ
De repente, a felicidade
Momento quase perene
Uma manhã de suavidade
Um acontecimento, algo tão solene.

Outra vez, a felicidade
Lembrança que permanece
De uma tarde especial, de verdade
Voltaria, se assim pudesse.

Inesperadamente, a brisa
Nos envolve de paixão
Mas o vento,  não avisa
Cruel, não  poupa o coração

Subitamente, a casualidade
Momentos de sofreguidão
Revela a nossa fragilidade
Como companheira, a solidão.

De repente, a saudade
As manhãs se foram, resta a noite
Frustração, dor, insanidade
Sentimento ferido, um açoite.
Samuel De Leonardo (Tute)
Enviado por Samuel De Leonardo (Tute) em 10/11/2022
Alterado em 11/11/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários